TRADUTOR

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

quarta-feira, 21 de março de 2012

REFLEXÃO 42 - UMA GRANDE AVENTURA

UMA GRANDE AVENTURA
Mt 8.18-22

Viver a vida na dependência total de Jesus é uma grande aventura. Não sei se realmente vivemos de acordo com o chamado de Deus para nós. Algumas vezes penso que nos acomodamos em nosso cotidiano e deixamos que as tarefas do dia a dia conduzam nossas vidas. Perdemos o controle da vida.


Quando leio textos como este de Mateus 8.18-22 ou outros que nos desafiam a ir ou a seguir a Jesus, sinto que a dimensão desses desafios não são experimentados por nós plenamente, porque não ousamos deixar tudo para segui-lo.
No texto citado temos dois discípulos dispostos a seguir a Jesus. O primeiro diz: Mestre, eu te seguirei por onde quer que fores. Percebo que essa é a resposta que damos quando estamos no auge de nossa fé. Normalmente parece que isto acontece em nosso primeiro amor.
Contudo Jesus responde a este discípulo da seguinte forma: As raposas têm suas tocas e as aves do céu têm seus ninhos, mas o Filho do homem não tem onde repousar a cabeça.
A resposta de Jesus é um chamado para que o discípulo avalie sua decisão. Eu diria que Jesus estava dizendo o seguinte para aquele discípulo: “Você tem certeza que deseja me seguir, eu não tenho nada para te oferecer de confortável”. A resposta de Jesus soa bem ao inverso do que os ministros da TV afirmam, ou não? O que Jesus deseja com essa resposta é que não decidamos apenas na base da emoção, mas conscientemente.
Mas é aí que reside a grande aventura da vida cristã! Caminhar com Cristo é viver na dependência total dia a dia Dele. Abrir mão de tudo, não ter onde repousar a cabeça pode significar dias difíceis, entretanto pode significar experimentar o extraordinário de Deus. Deus pode te sustentar em lugares ruins, travesseiros de pedra, chão, mas também poderá te conduzir a repousar em travesseiros de pena, algodão, etc.
Uma vida de grande aventura é deixar que o vento do Espírito te conduza para um lugar que você não sabe onde vai dar, afinal o vento sopra não sabemos de onde vem e não para onde vai. Embora hoje se consegue saber.
Algum tempo atrás assisti o filme SIM SENHOR! Neste filme o personagem só podia responder SIM. Sua vida é transformada porque a partir de então ele começa a experimentar muitas coisas das quais não ousaria experimentar.
Imagine se você sempre dissesse SIM para Deus. Imagine se você o obedecesse fielmente, 100%. O que aconteceria em sua vida? Caixa dois nunca mais. Jogos de sorte nunca mais. Mentiras nunca mais. Por outro lado você passaria a evangelizar sempre. Colaborar nas atividades de sua igreja sempre. Honrar seus compromissos sempre. Amar seu cônjuge sempre. Educar seus filhos tendo como base a Palavra de Deus sempre. Honrar seus funcionários com bons salários sempre. Honrar seu patrão sempre.
No fundo não somos corajosos suficientemente para sairmos e vivermos essa grande aventura da fé em Cristo.  Poucos ousam viver dessa forma. Isso não significa que sua vida cristã é medíocre, mas que você pode experimentar mais de Deus se ousar, ah isso pode!
O segundo discípulo possivelmente depois de ter ouvido a resposta que Jesus deu ao primeiro diz: Senhor, deixa-me ir primeiro sepultar meu pai. Este discípulo não estava negando seguir a Jesus, ele já decidiu isso em seu coração, entretanto não fez dessa decisão sua prioridade. É neste ponto que Jesus o alerta. Você fez a escolha certa, mas é preciso que você se concentre, tenha uma dedicação plena a essa escolha. Quem põe a mão no arado não pode olhar para trás.
Muitos de nós decidimos um dia participar dessa grande aventura que é viver Com Cristo e Para Cristo; entretanto ao não priorizarmos essa escolha acabamos nos amarrando com os afazeres e obrigações do dia a dia. Não evangelizo sempre, porque estou mais preocupado com meu salário do que com as almas que Deus colocou ao meu lado. Não contribuo na igreja (devemos considerar tanto no aspecto dos dons e talentos como financeiro) porque minha prioridade é o apartamento novo, carro novo, etc.
Não é errado sepultar o pai, a questão é: qual é a prioridade em seu coração? Não é errado adquirir carro novo, apartamento novo, mas qual é a prioridade em seu coração? O que está ocupando o primeiro lugar em sua vida? O Reino de Deus ou as coisas temporais da vida?
Só experimenta a grande aventura da fé quem ousa se lançar integralmente a Jesus. Ouse e verá que vale a pena.

Pr. Cornélio Póvoa de Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Translate

NOTÍCIAS