TRADUTOR

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

A ORDEM DA SALVAÇÃO 7 - SANTIFICAÇÃO


A ORDEM DA SALVAÇÃO
SANTIFICAÇÃO
ESTUDO 7
  1. Introdução
  2. Os Termos no Novo Testamento
    1. O sentido intelectual que se aplica a pessoas ou coisas. Significa considerar um objeto santo, atribuir santidade ou reconhecer a santidade por palavra ou ato, Mt 6.9; Lc 11.2 e 1 Pe 3.15.
    2. As vezes se emprega no sentido ritual, no sentido de separado do uso comum para fins sagrados, ou por aparte para um determinado oficio, Mt 23.17,19; JO 17.36; 2 Tm 2.21.
    3. Usado também para determinar aquela operação divina mediante a qual Deus produz de maneira especial na pessoa mediante seu Espírito a qualidade subjetiva de santidade, Jo 17.17; At 20.32; 26.18; 1 Co 1.2; 1 Ts 5.23.
  3. A Natureza da Santificação
    1. Obra Sobrenatural de Deus
      1. Consiste fundamental e principalmente em uma operação divina na alma, por meio do qual, aquela disposição santa nascida na regeneração é fortalecida e aumenta a sua atividade santa.
      2. É uma obra de Deus, 1 Ts 5.23; HB 13.20, 21.
      3. Fruto da união da vida com Cristo, Jo 15.4; Gl 2.20 e 4.19.
      4. Uma obra realizada no interior do ser humano, Ef 3.16; Cl 1.11
    2. Consiste em duas partes
      1. A mortificação da velha natureza, ou seja, o corpo de pecado. A mancha e a corrupção do pecado se vai removendo gradualmente. É a crucificação da velha natureza em Cristo, Rm 6.6; Gl 5.24.
      2. A vivificação do novo ser, criado em Jesus Cristo para as boas obras. Fortalece a disposição santa da alma, promovendo um novo curso de vida. A velha estrutura de pecado vai sendo destruída ao poucos e um nova estrutura criada por Deus assume o lugar daquela. Freqüentemente este nome é chamado nas Escrituras de "uma ressurreição juntamente com Cristo", Rm 6.4,5; Cl 2.12; 3.1, 2.
    3. A santificação afeta ao novo crente por inteiro: corpo e alma, intelecto, afetos e vontade. Se o ser interior é transformado, mudado, também é mudado ou transformado o aspecto exterior da vida., 1 Ts 5.23; 2 Co 5.17; Rm 6.12; 1 Co 6.15, 20.
    4. O novo crente é participante ativo no processo de santificação. Vemos nas repetidas admoestações para que se evite os perigos da vida, Rm 12.9, 16, 17; 1 Co 6.9, 10; Gl 5.16-23. Os crentes devem empregar os meios a sua disposição para ter uma vida santa, Jo 15.2, 8, 16; Rm 8.12, 13; 12.1,2,17; Gl 6.7,8,15.
  4. As Características da Santificação
    1. É uma obra da qual Deus é o autor e não o ser humano.
    2. Tem lugar na forma parcial na vida subconsciente e como tal é uma operação imediata do Espírito Santo; porém também de forma parcial tem lugar na vida consciente e depende então do uso dos meios determinados: fé, estudo da palavra, oração e associação com os outros crentes.
    3. A santificação é um processo lento e nunca alcança a perfeição nesta vida.
    4. A santificação plena é alcançada somente na entrada no reino eterno.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Translate

NOTÍCIAS