TRADUTOR

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

terça-feira, 7 de abril de 2015

REFLEXÃO 264 - A IMAGEM QUE O ROSTO REFLETE

A IMAGEM QUE O ROSTO REFLETE

JesusSite

"Pondera a vereda de teus pés, e serão seguros todos os teus caminhos." Provérbios 4:26

O grande pintor, Leonardo da Vinci, levou anos para pintar seu quadro: " A Santa Ceia". Em vão ele procurava um modelo apropriado para a face do Salvador.

Então ele encontrou um cantor de um coral, em uma igreja, cujos traços nobres lhe chamaram a atenção. Imediatamente ele chamou o rapaz, Pietro Bandinelli, para posar para o quadro, e deu a Jesus a fisionomia do rapaz em seu quadro.

Por muitos anos ele continuou pintando o seu quadro. Os discípulos estavam quase todos prontos, e só faltava o modelo para Judas Iscariote, aquele que traiu Jesus.

Da Vinci passou, então a andar pelas ruas de Roma, procurando um rosto adequado. Finalmente achou a pessoa com o rosto certo. Era o de um sujo e esfarrapado mendigo, com uma expressão ameaçadora em seu semblante. Ele estava parado em uma esquina e logo foi convidado para servir de modelo, o que imediatamente aceitou.

Mas, quando o pintor contemplou os traços do mendigo mais atentamente, de susto, o seu pincel lhe caiu da mão, tratava-se do mesmo Pietro Bandinelli, cujo bonito rosto, o pintor já havia usado como modelo para o rosto do Salvador.

O que é que havia transformado o anterior rosto angelical em um rosto de bandido, de Judas? A pobreza? A fome? a doença ou coisa parecida? Não, o pecado o havia rebaixado tanto! Ele se tornara um alcoólatra, um viciado jogador. Havia descido degrau por degrau, até que seu rosto mais parecia o de um homem mau do que de um anjo.

Sabemos que os quadros não retratam verdadeiramente o que seria o rosto real de Cristo ou de Judas, mas esta história veio para nos ensinar algo importante. Em cada pessoa estão as duas possibilidades.

Ou o nosso rosto retrata o quadro de Deus que o criador colocou em cada um de nós e que pode se projetar cada vez mais claramente, ou o quadro em que a imagem de Deus desaparece cada vez mais, e ao invés de se elevar sobre si mesmo até Deus o homem desce até se transformar num ser brutal.

Também Judas poderia ser um estandarte na casa de Deus, como os discípulos Pedro e João, mas ele ao contrário, se tornou o "filho da perdição"

Igualmente nas nossas vidas, existem estas duas possibilidades. Enobreça sua imagem, torne-a cada vez mais digna da semelhança do nosso criador, a fim de que você e eu possamos ser sempre vistos e lembrados como aqueles que projetam a imagem do bem, dos que vivem a Palavra de Deus e nunca do mal, daqueles que se entregam a morte em vida, e se esquecem do seu Deus.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Translate

NOTÍCIAS