TRADUTOR

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

terça-feira, 22 de setembro de 2015

ESTUDOS 81 - A IMPORTÂNCIA DO ENSINO BÍBLICO

 A importância do Ensino Bíblico

·                    Necessidade do ensino:
1. O ensino das Escrituras é uma ordem de Deus: “Ensinar-lhes-ás os estatutos e as leis, e lhes mostrarás o caminho em que devem andar, e a obra que devem fazer.” (Ex 18:20)
2. Para que o povo de Deus possa adquirir temor a Ele: “Ajunta-me este povo, e os farei ouvir as minhas palavras, e aprendê-las-ão, para me temerem todos os dias que na terra viverem, e as ensinarão a seus filhos.” (Dt 4:10)
3. Para adquirir vida: “...ele me ensinava, e me dizia: Retenha o teu coração as minhas palavras; guarda os meus mandamentos, e vive.” (Pv 4:4)
4. Para adquirir entendimento e conhecimento das Escrituras: “Ele respondeu: Pois como poderei entender, se alguém não me ensinar? e rogou a Filipe que subisse e com ele se sentasse.” (At 8:31)
5. Para que todo o homem seja perfeito: “...o qual nós anunciamos, admoestando a todo homem, e ensinando a todo homem em toda a sabedoria, para que apresentemos todo homem perfeito em Cristo...” (Cl 1:28)
6. Para que o homem seja firme, cheio de fé e grato: “...arraigados e edificados nele, e confirmados na fé, assim como fostes ensinados, abundando em ação de graças.” (Cl 2:7)
7. Para salvação de si e dos que ouvem: “Tem cuidado de ti mesmo e do teu ensino; persevera nestas coisas; porque, fazendo isto, te salvarás, tanto a ti mesmo como aos que te ouvem.” (1 Tm 4:16)
 
 

·                    A quem ensinar:
1. Aos filhos, em todo o tempo e em todo o lugar. Precisamos obedecer a palavra e aproveitar todo o  tempo possível que tivermos com nossos filhos, ensinando-lhes a Palavra de Deus. Se não o fizermos, eles aprenderão outras coisas, até mesmo as que não convém. Cumpramos o ensino bíblico: “...e as ensinarás a teus filhos, e delas falarás sentado em tua casa e andando pelo caminho, ao deitar-te e ao levantar-te.” (Dt 6:7)
2. Ao sábio: “Instrui ao sábio, e ele se fará mais, sábio; ensina ao justo, e ele crescerá em entendimento.” (Pv 9:9)
3. Uns aos outros: “A palavra de Cristo habite em vós ricamente, em toda a sabedoria; ensinai-vos e admoestai-vos uns aos outros, com salmos, hinos e cânticos espirituais, louvando a Deus com gratidão em vossos corações.” (Cl 3:16)
 
 
·                    Exemplos de ensino:
1. O exemplo máximo é, obviamente, o Supremo Mestre, Senhor Jesus: “E percorria Jesus toda a Galiléia, ensinando nas sinagogas, pregando o evangelho do reino, e curando todas as doenças e enfermidades entre o povo.” (Mt 4:23)
2. O apóstolo Paulo ensinava em todos os momentos e lugares: “Por isso mesmo vos enviei Timóteo, que é meu filho amado, e fiel no Senhor; o qual vos lembrará os meus caminhos em Cristo, como por toda parte eu ensino em cada igreja.” (1 Co 4:17)
 
 
·                    Quando e onde ensinar:
1. Os apóstolos ensinavam todos os dias: “E todos os dias, no templo e de casa em casa, não cessavam de ensinar, e de anunciar a Jesus, o Cristo.” (At 5: 42)
2. A tempo e fora de tempo: “...prega a palavra, insta a tempo e fora de tempo, admoesta, repreende, exorta, com toda longanimidade e ensino.” (2 Tm 4:2)

3. Até a consumação dos séculos: “...ensinando-os a observar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos.” (Mt 28:20)
  “Toda Escritura é divinamente inspirada e proveitosa para ensinar, para repreender, para corrigir, para instruir em justiça.” (2 Tm 3:16)

AUTOR DESCONHECIDO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Translate

NOTÍCIAS