TRADUTOR

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

terça-feira, 24 de novembro de 2015

REFLEXÃO 280 - A INSANIDADE MORTAL DAS DROGAS ATACA A NAÇÃO

A Insanidade Mortal Das Drogas Ataca A Nação!


(Deadly Drug Craze Strikes Nation!)


Chamam-no de "CRACK" e milhões de jovens estão obcecados por ele. Muitos tornaram-se desesperada e seriamente viciados após uma dose. O "barato" dura só poucos minutos, mas é tão intenso, que foi descrito como sendo maior que mil orgasmos de uma só vez.
O crack é barato se comparado à heroina e pode ser produzido na cozinha pelos adolescentes. O pó da cocaína é transformado em crack produzindo-se uma mistura que é aquecida, endurecida e aí, fragmentada em pedacinhos que são fumados, geralmente em cachimbos especiais de vidro. Os meninos de rua o fumam de dentro de latas de refrigerantes, que têm buracos perto do seu fundo. A droga quase não tem peso e é vendida em pacotinhos. Onde a cocaína é vendida por cerca de 100 dólares por grama, o crack se vende de 5 a 20 dólares o pacotinho.


O crack é o rei das ruas. O seu "prazer" é tão irresistível aos usuários, que eles passam horas em "buracos" de drogas chamados "bocas de crack". Muitos ficam "ligados" quatro a cinco vezes por hora. Acabam roubando, assaltando, se prostituindo e traficando drogas para sustentar o seu vício.
O ápice do seu "barato" é rapidamente seguido por um rebaixamento assustador - uma depressão emocional que pode conduzir à violência e à paranóia. Os viciados em crack se tornam irritáveis e suas personalidades se tornam distorcidas. Acham que as pessoas estão comentando algo contra eles, que a família e amigos planejam destrui-los - e por isso eles atacam primeiro.
Aqui na cidade de Nova Iorque, um garoto de 16 anos no Harlem assassinou a sua mãe após ter ficado dependente do crack. Um menino do Brooklin de 18 anos matou um ministro durante um assalto, para arranjar dinheiro para a droga. Três pessoas foram assassinadas em uma festa de crack em uma noite de sábado, recentemente. Uma menina de oito anos foi lançada de um apartamento do trigésimo primeiro andar pelo seu tio, que estava "alto" pelo crack. A mãe da criança também era usuária da droga. Na noite passada um pai pendurou a sua filha de três meses pela janela, segura por um dedo. Ele estava "alto " pelo crack, mas a criança foi milagrosamente salva.
A pior de todas as tragédias é se ver adolescentes grávidas, algumas no oitavo mês, capengando pelas "bocas" de crack, ficando petrificadas, sem nenhuma preocupação de que seus bebês sejam arruinados devido às suas ações. Os pais que organizam estas "bocas" ou "pontos" de crack, sabe-se, usam as suas próprias filhas para vender a droga - se prostituir - e tornarem-se dependentes. Cerca de 18% dos usuários afirmam que já tentaram o suicídio. Os efeitos colaterais incluem ataque apopléctico, lesão pulmonar, derrame cerebral, ataque cardíaco, disfunção nervosa, congestão pulmonar, expectoração negra, tosse, pesadelos, crises de violência.
Em alguns bairros da cidade há mais "bocas de crack" do que igrejas ou botecos. Nestas "bocas" os garotos podem alugar os cachimbos, adquirir a droga, e lá permanecer por dias - entorpecidos e estáticos - se tiverem dinheiro. Caminham pelas ruas parecendo zumbis - pálidos, quase sem vida, emaciados e profundamente enfermos.

Este País Está Embaixo De  Uma Maldição Divina!

Tenho pregado nas ruas de nossas cidades americanas por cerca de 30 anos. Estive nas ruas de Houston, no Texas, no mês passado. Agora, estou de novo nas ruas de Nova Iorque. Tudo está saindo do controle. A maldição de Deuteronômio 28 está sobre nós: "Será, porém, que, se não deres ouvidos à voz do Senhor, teu Deus, não cuidando em cumprir todos os seus mandamentos... virão todas estas maldições sobre ti e te alcançarão..." (Deut. 28:15). "Então, o Senhor fará terríveis as tuas pragas... grandes e duradouras pragas, e enfermidades graves e duradouras; fará voltar contra ti todas as moléstias do Egito... e se apegarão a ti... fará vir sobre ti toda enfermidade e toda praga que não estão escritas no livro desta lei, até que sejas destruído." (Deut. 28:59-61).
Aids não estava escrita na Lei! E nem o Herpes ou a Clamídia. A nova praga do crack era desconhecida nos dias de Moisés. Mas Deus nos avisou que a desobediência e o pecado iriam trazer sobre nós novas pragas, duradouras e devastadoras.
Há mais de 10.000 aidéticos morrendo neste instante na cidade de Nova Iorque. Você os vê caminhando pelas ruas - parecem cadáveres ambulantes. Alguns descaradamente se ufanaram de que iam para o inferno, mas iriam levar juntos o máximo de pessoas que pudessem. Alguns propositadamente disseminam esta horrível doença. O número dos que estão sendo infectados dobra a cada seis meses.
Três de cada quatro usuários de drogas que nos procuram em busca de ajuda são viciados em crack. O assassinato, o roubo, a violência são imprecedentes. Posso lhes dizer, e eu sei, porque eu estou nestas ruas, que a coisa está fora de controle! Trata-se, de modo absoluto e definitivo, de uma maldição permitida por Deus!

Mães! Chorem Por Seus Filhos!

É isto que eu venho pregando nas ruas toda noite. Vejo centenas de crianças, e eu choro! Que esperança existe para eles? Breve, antes de se tornarem adolescentes, a praga alcançará muitos deles. As escolas são como pequenos sinos! Parece-me que um em cada três estudantes é traficante de drogas. As histórias que os pequenos freqüentadores da quarta série contam são horripilantes. São histórias de cocaína, maconha, álcool, comprimidos, sexo - eu mal consigo ouvir tais histórias. Há uma dureza, uma desesperança - é como se houvesse chegado ao ponto sem volta. A única coisa que resta mais a frente disto, é a anarquia e o caos absoluto.
Choro intimamente ao escrever isto. Escrevo esta mensagem na 8a. Avenida junto à Rua 42. O meu coração se angustia com os pregadores de papo suave, tipo "está indo tudo bem", aqui deste país. Digo a eles: "Saiam comigo para as ruas; deixem que eu lhes mostre os milhares de jovens - as multidões sem esperança - embotados , drogados, doentes, acorrentados por demônios - e depois disto venham me dizer que a América está melhorando! Digam-me que esta nação não está debaixo de uma maldição! Venham ver as pragas! Venham olhar dentro dos olhos dos milhares que estão morrendo com Aids! Venham ver as prostitutas enfermas, os passadores de drogas que amaldiçoam a nossa juventude - deixem a sua torre de marfim - desçam do alto de seus púlpitos seguros - saiam de suas fortalezas teológicas - A América está neste exato instante em baixo das pragas e maldições devido ao pecado, e à rebeldia contra o deus todo-poderoso!".

Gostando Ou Não  -O Julgamento Já Começou!

Não consigo descrever para vocês o que eu vejo nestas ruas de turbulência. Milhares de desviados - em ruínas - que abandonaram a Jesus em favor do mundo. Estão em toda parte. Até imagino o que diria o profeta Jeremias, se ele estivesse agora no lugar onde estou.
"Assim diz o Senhor sobre este povo: gostam de andar errantes e não detêm os pés; por isso, o Senhor não se agrada deles, mas se lembrará da maldade deles e lhes punirá o pecado..." (Jer. 14:10).
Por que há tantos desviados? Pentecostais, batistas, carismáticos - todas as denominações! Por que estão eles sendo lançados para as ruas, vítimas de forças demoníacas? Encontro-me com centenas deles, os quais assistem aos nossos cultos ao ar livre - alguns são pregadores desviados agora usando drogas, se embriagando, indo à festas todas as noites. Isto é devido a pregadores desviados, adúlteros. Quando você se encontra com um pastor desta cidade que esteja em chamas para Deus, santo e quebrantado em relação ao pecado, ele é forte e precioso. Mas tantos deles agora são desprovidos de poder, se assentando diante de um ídolo chamado TV, vendo filmes da Playboy, dominados por poderes do mal - impotentes para libertar aqueles aos quais eles têm pregado. Quanto a eles Jeremias declarou: " Os profetas lhes dizem... vos darei verdadeira paz... os profetas profetizam mentiras em meu nome... o engano do seu íntimo... sem que eu os tenha mandado... o povo a quem eles profetizam será lançado nas ruas... derramarei sobre eles a sua maldade..." (Jer. 14:13-16).
Orem por todos os pastores locais. Poderes demoníacos foram liberados - Satanás está determinado a solapar e a destruir a moral e a autoridade espiritual deles. Será necessária a presença de homens santos, consagrados a Deus - com muita autoridade espiritual - para romper as cadeias que prendem os habitantes da cidade, especialmente agora, com todas as pragas e maldições que abateram-se sobre a nação.

Deus É Maior Do Que Tudo!

Bem no centro de todas estas pragas - Deus está levantando um testemunho glorioso ao Seu poder e à Sua glória. Alcoólatras, viciados em crack e pessoas amarradas a todos os tipos de horríveis pecados, estão sendo livradas e libertas. Jovens usuários de crack estão se acertando - alguns deles juntam-se a nós quando saímos às ruas, para contar aos outros como Jesus Cristo os têm libertado. Desviados estão em prantos, arrependendo-se e voltando para o Senhor de todo o coração.
Pregadores estão se arrependendo! Pecadores estão invocando o Senhor para serem salvos. Mães e pais estão se voltando para Cristo - orando em favor de proteção para os seus filhinhos - e os vejo indo à casa de Deus com os crentes.
Aonde abunda o pecado - super abunda a graça. As coisas vão piorar - o julgamento vai se disseminar - novas pragas e maldições irromperão em breve - os zombadores e os escarnecedores continuarão a nos acusar de sermos negativos e condenatórios. Porém, não vamos nos acomodar e amaldiçoar a escuridão: nós continuaremos indo até os portais do inferno e salvaremos o máximo que pudermos enquanto ainda há tempo. Que os nossos críticos digam o que quiserem - quanto a mim quero armar tendas bem junto às portas do inferno, e salvar algumas madeiras de serem queimadas. Orem por nós! Supliquem em favor da nossa nação! Arrependimento para as nossas cidades!




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Translate

NOTÍCIAS