TRADUTOR

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

quinta-feira, 5 de julho de 2012

FINANÇAS 5 - SEJA UMA PESSOA VERDADEIRAMENTE RICA

SEJA UMA PESSOA VERDADEIRAMENTE RICA

            Hoje eu quero falar para vocês o segredo para se tornar rico. Contudo quero que saibam desde já que a verdadeira riqueza só possui aquele que dá com liberalidade, que não retém o que possui.

Gn 14:19,20 – Abraão estava feliz porque havia salvado seu sobrinho Ló das mãos do malvado rei (Quedorlaomer) de Elão. Nestes versículos percebemos que depois de Abraão ter recebido a benção, de a Melquisedeque o dízimo: a décima parte de todos os bens que Abraão tomará. Este era o segredo da prosperidade de Abraão, ele era fiel ao Senhor em todas as coisas, antes mesmo de existir a lei.
Abraão deu o dízimo. Isaque e Jacó (Gn 28:20-22) deram o dízimo. Examinando as vidas destes homens percebemos que nunca sofreram os efeitos da pobreza por longos períodos de tempo. Eram homens ricos. Todos eles passaram por várias provas e tribulações, mas nenhum deles morreu e fome e sempre tiveram bastante para dar aos outros.
Ml 3:10 – Dar o dízimo traz muitos benefícios para nossa vida, especialmente as provisões de proteção e prosperidade. Se você der a Deus, ele dará muito mais abundantemente para você. (Dar a Deus não é fazer troca, dar com liberalidade, sem nada esperar em troca).

Como dar o dízimo:
1 – Dar das primícias (Pv 3:9,10) – Muitos crentes ao receberem seu salário primeiro pagam as suas dividas, então dão o dízimo do que lhe sobra. Isto, contudo não agrada a Deus. O dízimo deve ser as primícias da renda total, da pessoa dada para glória de Deus. Abel e Caim (Gn 4:3,4). Caim trouxe suas ofertas no fim de uns tempos, Abel pelo contrario trouxe as primícias do seu rebanho. Cuidado para não trazer o dízimo como Caim.
2 – Não ser fiel apenas nos dízimos (Mt 23:23) – Primeiro quero chamar a atenção neste texto de que Jesus aqui confirma a pratica dos dízimos. Alguns querem dizer que o Novo Testamento não confirma o dízimo, isto é mentira. Jesus manda neste texto que continuemos a dar o dízimo, entretanto ele exige que a fidelidade não seja somente no dízimo. Ele diz para os fariseus que deveriam ser misericordiosos, justos sem deixar de dar os dízimos.
Muitos de nós somos como os fariseus, damos os dízimo corretamente, entretanto esquecemos a pratica da misericórdia, da justiça e da fé. Não fazemos obra alguma, não manifestamos luz alguma, não socorremos o necessitado, não visitamos os enfermos, não damos a quem tem fome e sede. Somos verdadeiros fariseus.
Jesus quer que você faça o que está escrito em Eclesiastes: “Lança o teu pão sobre as águas, porque depois de muitos dias o acharás. Reparte com sete, e ainda com oito, porque não sabes que mal sobrevirá à terra” (Ecl 11:1-2).








Pense nisso:
1 – Você possui um bem - Você já é uma pessoa abençoada por ter algo com que repartir. O que o pão simboliza? Tudo o que possa ser oferecido. Amor, pão, água, dinheiro, roupa, tudo o que você possa dar aquele que necessita mais do que você (Pv 19:17).
Se você não pode dar nada, você é verdadeiramente um miserável, precisa reavaliar sua vida e seus bens.
2 – Tenha uma atitude generosa – “Lança”, “reparta”. Isto significa investir em vidas. Um dia pode ser que você venha colher deste investimento.
O verdadeiro rico é aquele que não se deixa possuir pelo que tem. O verdadeiro rico é aquele que dá com liberalidade, com alegria e não retém bem algum (Lc 6:38; 2 Co 9:7).
O verdadeiro rico é aquele que dá aos outros a oportunidade de experimentar do bem estar, de experimentar das pequenas coisas da vida. O verdadeiro rico compartilha sua vida.
3 – Agora que você lançou ou repartiu, você tem uma promessa – “Acharás”. Esta é a lei da semeadura. O que você planta colhe. Como disse Francisco de Assis: “É dando que se recebe”.
Não sabemos o dia de amanhã, hoje podemos estar abastecido, amanhã nossas dispensas podem estar vazias. E será neste momento que colheremos tudo aquilo que plantamos.
A vida é criativa e ela achará a forma de nos encontrar e nos abençoar com suas dádivas se formos generosos.
A solidão e a mesquinharia são nocivas a qualquer ser vivo. Deus nos chama para repartir nossas vidas e nossos bens e não vivermos sozinhos (Ef 4:28).

CONCLUSÃO: Quer ser verdadeiramente rico siga as instruções acima. Dê seu dízimo a Deus antes de todas as coisas, não deixe de ser fiel na justiça, na misericórdia e na fé.


Pr. Cornélio Póvoa de Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Translate

NOTÍCIAS