TRADUTOR

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

terça-feira, 26 de maio de 2015

MENSAGEM 15 - MUDE! VIVA A LUZ DA BÍBLIA

MUDE!

E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus” (Rm 12.2).

Introdução: Vivemos um século de grandes mudanças. Percebemos algumas dessas mudanças quando olhamos nossas caixas de correios e não encontramos mais cartas de amigos e parentes distantes, isto porque, hoje nos comunicamos pelas diversas redes sociais: facebook, twitter, whatsapp, etc.
         Eu sou do tempo dos toca-fitas, vídeo cassetes, TV VHF ou UHF, telefone com fio, máquina de escrever, máquina fotográfica recebia rolo de filme, etc.. Hoje as TVs são digitais e com internet, telefones são celulares e ao mesmo tempo filmam e tiram fotos, computadores eram gigantes... quantas mudanças! (Vídeo mostrando como eram os ano 70-90)
As mudanças não aconteceram apenas no campo da tecnologia, mas também nas relações humanas e familiares.  Neste tempo chamado pós-moderno (explicar o que é a pós-modernidade) como definirmos uma família quando somos questionados? Como definirmos o que é normal ou anormal nas relações homens e mulheres? Como educarmos nossos filhos e filhas preparando-os para um mundo sem valores absolutos?
A resposta para esta pergunta é MUDE!


1 – Renove sua mente
A mudança começa em você. Toda mudança passa pela renovação de nossa mente.
Muitas pessoas acham que ao entregarem suas vidas a Jesus Cristo, elas agirão diferentes em suas relações, porque nasceram de novo. Existe uma verdade nisso, mas precisamos compreender que nossas relações serão transformadas a partir do momento que dou ouvido a Palavra de Deus, que me deixo ser guiado pelo Espírito Santo de Deus. Este processo exige que eu abandone os valores e princípios antigos, e incorpore em minha vida os valores e princípios de Deus, renovando dessa forma minha mente.
Efésio 5.15-21 - 15Tenham cuidado com a maneira como vocês vivem; que não seja como insensatos, mas como sábios, 16aproveitando ao máximo cada oportunidade, porque os dias são maus. 17Portanto, não sejam insensatos, mas procurem compreender qual é a vontade do Senhor. 18Não se embriaguem com vinho, que leva à libertinagem, mas deixem-se encher pelo Espírito, 19falando entre si com salmos, hinos e cânticos espirituais, cantando e louvando de coração ao Senhor, 20dando graças constantemente a Deus Pai por todas as coisas, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo. 21Sujeitem-se uns aos outros, por temor a Cristo.
·        (v.17) “...procurem compreender qual é a vontade de Deus” – O sábio não deixa ser levado pela vida, mas intencionalmente vive a vida que Deus quer. A cultura emergente de nossos dias nos diz que não existem verdades absolutas. Cada um escolhe sua verdade, aquela que lhe convém, que lhe faz feliz.
Diga não a vida relativizada, creia nas verdades absolutas de Deus, que se encontram em Sua Palavra, a Bíblia.
·         (v.19) “falando entre si...” – demonstra que o sábio vive em comunidade, aprendendo e transmitindo conhecimento, sendo sustentado e sustentando, aprendendo sempre a ver a vida com gratidão ao Senhor e desta forma se enchem do Espírito de Deus.
Diga não a vida centrada no seu “eu”, considere viver para o outro. Faça o outro feliz.
·        (v.21) “sujeitem-se uns aos outros” – Todas as relações humanas devem estar sustentadas sob este princípio.
Diga não a mentalidade competitiva, ajude quem está ao seu lado a crescer.
Ao trazer para minha vida novos valores e princípios passo a olhar a vida de forma diferente. Aprendo a ver nas velhas lutas a oportunidade de me tornar novo homem ou uma nova mulher.

2 - Não se amolde a este século
A mudança começa em mim, mas se estende as relações sociais.
A maioria das pessoas se moldam aos valores defendidos pelas grandes redes de televisão, pelos livros de autoajuda e pelas novas filosofias de educação defendidas pelos estudiosos da área (filósofos, sociólogos, psicólogos e pedagogos).
Tenha coragem e mude, não seja moldado pelos valores deste século, mas construa suas relações sobre os valores e princípios de Deus. Não siga por um caminho somente porque todos seus amigos andam por ele. A Bíblia diz:
·        Ef 5.22Mulheres, sujeitem-se a seus maridos, como ao Senhor”Mulher respeite seu marido sendo auxiliadora, motivando-o e incentivando-o a cumprir sua missão (Ex.: Espírito Santo – Paracleto – Jo 14.16, 26).
A mulher tem a capacidade de tornar um homem bem-sucedido na vida, respeitado por todos, assim como também de torna-lo uma vergonha entre todos.
Mulher Deus deu a você poder sobre os homens. Acredite nisso! Por isso vocês são chamadas para serem suas auxiliadoras. O homem precisa de seu auxilio.
Cuidado mulheres para que vocês não caiam no erro de assumirem o lugar de provedor e cabeça em seus lares que foram dados ao marido.
Não sou contra a mulher trabalhar, mas é preciso cuidar para não usar do seu trabalho para se sentir independente de seu marido. Muitas vezes a mulher nem o sabe, mas o marido não consegue ultrapassar a linha para ser o provedor e cabeça, porque não sabe lidar com o salário da mulher. Não sabe lidar com o fato de que ela compra o que quer, vai para onde quer sem depender dele. Ele não se sente totalmente “macho” em seu lar.
Muitos casamentos são desfeitos sem que o homem e a mulher realmente tenham experimentado o que realmente é ser uma só carne.
Pv 14.1 – A mulher sábia edifica a sua casa, mas com as próprias mãos a insensata destrói o seu lar.
·        Ef 5.25 “Maridos, amem suas mulheres, assim como Cristo amou a igreja e entregou-se a si mesmo por elaMarido ame sua esposa, trate-a com honra, assumindo sua posição de provedor e autoridade dentro de sua casa. Não abandone seu lar.
A mulher foi feita mais frágil, queira ou não. Basta olhar para o biótipo masculino e feminino. A mulher deseja se sentir segura ao lado de seu marido, protegida, cuidada.
Entretanto a mulher de hoje, consegue cuidar de si mesma, prover suas necessidades básicas, materiais, e competir com o homem profissionalmente. Retirando do homem o papel do provedor, protetor e cabeça sobre a mulher. Onde fica o homem nessa nova sociedade?
A cultura emergente de nossa sociedade tem buscado acabar com a masculinidade dos homens. Cada vez mais, se cobra dos homens que eles sejam “fru-fru”. A sociedade espera que os homens sejam mais afeminados, mais sensíveis em sua alma. Já não basta ajudar no lar, é preciso aprender a ouvir com uma alma feminina. Contudo Deus criou homem e mulher, macho e fêmea. Deus não fez o homem afeminado, ele o fez com um sentimento de desejo de ser provedor e cabeça do lar. O homem tem o instinto da caça, a mulher deve ser aquela que o faz acreditar que pode derrubar o mamute, apesar da grande diferença de força. Com o apoio da mulher, o homem vai a caça desejoso de mostrar para ela que ele é forte. E volta mais desejoso de mostrar sua vitória e ser amado por sua mulher. Ele quer ouvir dela: “você é o meu homem”.
O homem demonstra amor, não com presentes, não com flor, mas provendo para a mulher as coisas básicas da vida, e quando possível o que a mulher deseja.
·        Ef 6.1-2Filhos, obedeçam a seus pais no Senhor,... Honra teu pai e tua mãe” – Filhos obedeçam a seus pais enquanto vivem debaixo do teto deles. Mas honrem seus pais cuidando deles até o fim de suas vidas. Lembre-se de tudo que eles fizeram por vocês.
·        Ef 6.4Pais eduquem e repreendam seus filhos. Pais que amam dizem “não” aos filhos quando é preciso. Os filhos precisam de limites.
Erramos quando educamos nossos filhos no mesmo modelo em que fomos educados pelos nossos pais.  Não precisamos educa-los com os mesmos instrumentos, a mesma forma de disciplina, com as mesmas palavras. O mundo mudou. Contudo também erramos quando educamos nossos filhos a partir dos valores e princípios da cultura do nosso século (cultura emergente).
Qual o futuro de um filho sem limites? Qual o futuro de quem não aprendeu a respeitar o próximo?
·        Ef 6.5-8 – Empregados honrem o salário que seus patrões lhe pagam.
·        Ef 6.9 – Patrões sejam justos com seus funcionários.
O mundo precisa de pessoas diferentes, que não sejam manipuladas pelo sistema, que lhe mostre uma luz e lhe de esperança.

Conclusão: Seja criativo aberto a novos modelos, a novos aprendizados. Contudo seja critico, avalie tudo a luz da Palavra de Deus. Não devemos ter medo de fazer uso das novas tecnologias, de uma nova linguagem, contudo devemos estar atentos para preservarmos as grandes verdades bíblicas. Ha coisas que podem ser negociadas, mas ha outras que não podemos abrir mão de forma alguma.
Ore a Deus e lhe peça sabedoria para viver neste tempo de tantas mudanças, de mentiras anunciadas como verdades, e força para permanecer firme e inabalável em sua fé.

Pr. Cornélio Póvoa de Oliveira
08/05/2014



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Translate

NOTÍCIAS